Um blog de crônicas da Barelândia para o mundo!

BTemplates.com

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

A Facção Marginal

Mais poderoso que o PCC, o Comando Vermelho e os Amigos dos Amigos, todos juntos, o grupo criminoso Facção Marginal que atua na “legalidade” é o maior inimigo do povo brasileiro.
Nessa eleição ficou muito mais claro o estrago que essa facção criminosa pode fazer contra o país. O Brasil foi dividido por eles entre quem vota sob a sua influência e quem não se submete a sua vontade.
Na Marginal Pinheiros, em São Paulo capital, estão concentradas as empresas de comunicação pertencentes as quatro famiglias que herdaram os seus impérios midiáticos da ditadura militar sangrenta e cruel instalada no Brasil em 1964. Essas quatro famiglias ajudaram a dar o golpe na democracia e apoiaram até o amargo fim os torturadores impunes e ficaram bilionárias.
Hoje os Marinhos, Frias, Civitas e Mesquitas detém o monopólio da comunicação no Brasil de dentro de suas empresas fundeadas convenientemente na Marginal Pinheiros em São Paulo, centro financeiro e financista do Brasil, de onde propagam sua ideologia, suas chantagens midiáticas e mantem corações e mentes dos brasileiros acorrentadas as suas convicções e desejos.
A cada eleição, essas quatro famiglias tentam impor ao eleitor brasileiro a sua vontade, a sua ideologia e seus interesses e para isso usam de golpes midiáticos baseados em calunia, difamação e boataria as vésperas das eleições para tentar influenciar o eleitor a votar de acordo com seus planos maquiavélicos.
Essa gang que pode ser chamada de Facção Marginal age para defender os interesses da elite financeira paulista e o grande capital internacional que há séculos explora os trabalhadores do mundo todo.
Isso nem sequer é crime eleitoral, é crime de lesa-pátria.
Em toda democracia moderna a imprensa tem regulação para impedir monopólios midiáticos, menos no Brasil. Essa regulação melhoraria qualidade do debate de ideias e daria as várias versões dos fatos. No EUA a Fox é declaradamente Republicana enquanto o New York Times se declara Democrata, dando ao eleitor a possibilidade de saber que se abrir a Fox só vai ouvir maldades sobre o Obama, por exemplo, e lá o crime de calunia e difamação é punido severamente.
No Brasil virou um grande negócio caluniar e chantagear pela imprensa.
A Veja dos Civita faz uma manchete caluniosa contra seu adversário político baseado em fatos ou não, em calunias ou não, tanto faz. Durante o dia a Folha de São Paulo dá uma manchete garrafal ao assunto, e a noite o Jornal Nacional já trata como fato consumado e verdade absoluta a matéria caluniosa da Veja.
Eles fazem como as facções criminosas fazem no mundo todo.
Criam verdadeiros tribunais de ruas para prender, julgar, condenar e executar seus adversários sem chance para defesa. Fazem um verdadeiro linchamento midiático contra quem atrapalhar seus planos de dominação das riquezas nacionais.
O crime midiático compensa e essas famiglias atuam como facção criminosa, a Facção Marginal, muito pior que o PCC e Comando Vermelho juntos.
Essa Facção Marginal é quem está dividindo o Brasil em dois.
O Brasil da versão dos criminosos e os que não rezam na sua cartilha.
Share:

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

O Lobão vai ficar para jogar xadrez com pombos

Ser Coxinha nessa segunda-feira deve ser doloroso.
Ontem a cara da bancada do Globo News era de dar piedade. O Merval Pereira, cabo eleitoral do FHC desde pequenininho era de estupefação, de surpresa com o resultado pro Dilma. A cada opinião que o Camarotti pronunciava com seu sotaque biba pernambucana o Merval fuzilava com os olhinhos ditatoriais de chefa da tropa de choque.
Foi impagável ver essa bancada ideológica neoliberal disfarçada de democrática perder de novo.
Em seguida veio Manhattan Connections, o filé do viralatismo Coxinha sustentado pela Rede Globo somente para falar mal do Brasil do trabalhismo Maldito Petralha. Uma delícia para os ouvidos das peruas do Morumbi que caiu no gosto do pobre coitado do Coxinha que apesar de ser trabalhador adoraria estar em New York falando mal do Brasil.
Ontem a grade do Globo News foi de lavar a alma de quem ama o Brasil. Todos com cara de funcionário incompetente que vai ser desempregado no dia seguinte.
Cara de cachorro na popa da canoa, só de orelha em pé.
Como diz o PHA, “A Globo a gente não assiste, a gente vigia”.
Ontem, ao final do resultado eleitoral dando vitória para a frente progressista que derrotou os conservadores da direita reacionária alinhadas com o Aécio, as redes sociais pipocaram, metade em alegria juvenil e a outra em desencanto e raiva típica da direita carregada de preconceito e rancor.
A frase que mais se ouviu foi “Vou embora dessa porra!”.
Isso dito por uma criatura que não tem no cu que o periquito roa.
Se tá ruim aqui, imagina na Jamaica?
A boa notícia é que o Lobão, como era de se esperar de um falastrão sem noção, descumpriu a promessa de se mudar do Brasil se desse Dilma reeleita.
O Lobão tinha uma música boa que não era nenhum Cazuza, muito menos um Renato Russo, mas dava para ouvir.
Depois de anos no ostracismo sem produzir nada a não ser comentários cruéis e invejosos contra colegas artistas, ele se tornou o porta voz da direita que faz loas até para a tortura da ditadura percebendo que quem fala mal do PT arruma emprego na Rede Globo.
O Lobão é um trouxa do Baixo Leblon, mas de bobo não tem nada.
Ele resolveu ficar no Brasil para o bem dos pombos que adoram jogar xadrez com ele.
Hoje os pombos estão de peito estufado doidos para jogar xadrez.
E o Lobão segue importunando quem se importa com ele e com sua inveja atávica.
Vai virar a piada nacional.
Share:

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

A dolce vita de pedreiro no governo dos Malditos Petralhas

Achar um pedreiro para fazer um puxadinho em casa virou uma penitencia nesses dias bicudos em que a Barelândia se transformou em um canteiro de obras graças aos empréstimos do Minha Casa Minha Vida.
O pleno emprego faz a grana circular e hoje a pessoa pode construir o seu barraco com mais facilidade.
Quem está surfando na onda boa são os pedreiros que estão cobrando o olho da cara porque sabem que falta esse tipo de mão de obra.
Todos os bons pedreiros do mercado estão virando micro empresas pegando serviço e terceirizando.
Que nem o PSDB fez com o sistema de abastecimento de água em São Paulo.
Quando o “pedreiro terceirizado” chega, ele diz que sabe fazer tudo. Desde a alvenaria, hidráulica e elétrica.
A gente que é leso acha que acertou na loteria.
Quando o “pedreiro terceirizado” acaba a obra inacabada, até o teto está dando choque porque ele instalou uma luminária passando pela base de metal e deixou fios descapelado.
Só pode.
Mandei embora e lá vai eu contratar outro “pedreiro”.
Hoje chegou equipe nova e a minha grana acabando, por isso vou cozinhar para os galerosos para não ter que comprar quentinha.
Isso é o de menos.
Foda é ver eles pararem de trabalhar para teclar no Vapivapi a cada piriripipim.
E conversando amenidades entre eles, tipo “Pra Miami tá mais barato que pro Ceará, vou logo é comprar”.
Eles estão combinando ir para Miami fazer compras em dezembro e fazendo consultas de passagem com a mão cheia de cimento usando o Samsung que vira até sofá cama, maior que o meu.
Isso em hora de serviço, por isso que a bagaça não avança.
Do meu escritório eu fico ouvindo a lambança e pensando:
Será que mudo de profissão?
Não.
Melhor parar de votar na porra desses Malditos Petralhas.
Assim não fico morrendo de inveja de pedreiro.
Share:

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Meu vizinho flamenguista teve outro AVC

Domingo é dia de futebol, churras e brejas, e aqui meu vizinho segue essa rotina sempre que o Flamengo joga.
O cara é o maior gente boa da rua, sempre rindo mesmo com o seu Flamengo levando peia volta e meia.
O cara vive rindo a toa, parece rico.
Até em debate presidencial ele consegue rir as pencas.
Outro dia teve um AVC de tanto rir vendo o Aécio falar em moralidade.
Ontem a mesma coisa.
Quando o Aécio falou em "Enfrentar as drogas e não sei o que lá", só ouvi um estrondo de algo caindo e uma gargalhada que não parava mais.
Daqui a pouco a patroa dele chamou o SAMU e lá vai o vizinho flamenguista boa praça de novo para o 28 de Agosto.
Teve outro AVC de tanto ri.
Deveriam proibir debates em domingos de futebol.
Né não?
Share:

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

O Aécio vai manter o Bolsa Esmola, que horror?

O Coxinha sem noção de que não é rico mas pensa como rico, é contra o Bolsa Família porque ouve no Globo News o Demetrio Miglioni e a Miriam Leitão falarem com desprezo do programa de governo do PT porque ele alavanca votos para o PT.
Esse pobre coitado Coxinha de direita sem noção de ser de direita, tem ódio do Bolsa Família, mas mora em ap comprado pelo Minha Casa Minha Vida, faz faculdade graças ao ENEM e da expansão das federais feitas pelo Lula.
Declara voto no Aécio porque odeia ser barezinho e pobre, quer ser paulista, branco e rico.
O Aécio para se eleger mente dizendo que vai manter os programas de governo do PT.
O Aécio nunca foi pobre e odeia pobre. Afinal tucano não gosta de pobre e trabalhador.
O Aécio só conhece do Rio onde mora o Baixo Leblon. Nunca atravessou o Túnel Rebouças.
O pobre coitado do Coxinha agora parou de chamar o Bolsa Família de Bolsa Esmola.
Pode reparar.
Ôôhhhhhhhhhhh raça!
Share:

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

FAMETRO fazendo gato de água é o óóóhhh!

Fui banido por três longos dias do Facebook pelo próprio Facebook depois que postei uma bunda branca dizendo que era do deputado bundão playboy que se elegeu graças a nossa grana em uma campanha bilionária.
Legal era ver os cabos eleitorais dele indignados com a bunda branca da “autoridade”, mas se lixando se está faltando merenda escolar nas escolas da prefeitura de Manaus que preferiu investir a grana da merenda escolar na campanha do bundão.
Isso que eu chamo de indignação seletiva sem noção.
Mas mudando de pau para cacete, morto de saudades dos meus caros amigos navegantes facebookianos, vi em um noticiário de televisão desses que não vale o que o gato enterra que a Fametro, uma faculdade imensa que ocupa a principal via da cidade e paralisa o transito ganhando uma grana preta dos alunos, foi flagrada fazendo gato de água.
Espia isso, fio.
Gato de água.
Nem para fazer gato de internet a cabo, de energia elétrica, ou dos raios que o partam.
Gato de água.
Acho que nem barezinho morto a fome faz mais gato de água.
Né não?
Share:

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Meu vizinho teve um AVC por causa do debate

Meu vizinho framenguista gente boa saiu do pronto socorro ontem depois de ter ficado 24 horas rindo quando viu o Aécio condenar corrupção no debate da Record.
Foi preciso chamar o SAMU porque o vizinho passou a noite rindo e de manhã ficou com a boca torta.
Ontem, já recuperado, foi assistir o debate da Rede Globo em que o pastor peidão levantava a bola para o Aécio cabecear e de novo condenar corrupção alheia.
Foi a gota d’água!
O vizinho framenguista gente boa teve outra crise de risos e hoje pela manhã teve um AVC de tanto ri.
Veio a óbito, o coitado.
Talvez seja o primeiro caso de alguém ter morrido de rir na face da terra.
A família está revoltada e promete processar a Rede Globo, o pastor peidão e o Aécio Never.
Isso não se faz.
Share:
Tecnologia do Blogger.

OCUPE REDE GLOBO

Loading...

Pesquisar este blog

Veja meu site profissional

Veja meu site profissional
Jorge Laborda é um cara metido a designer, escritor e a ser humano.

Blogs que vale conferir

Arquivo do blog

Definition List

Contact

Support