Um blog de crônicas da Barelândia para o mundo!

BTemplates.com

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Em São Paulo primeiro conversam e aqui fecham

Depois do incêndio da boate em Santa Maria onde morreram centenas de jovens que estavam se divertindo veio uma onda populista e moralista de merda pelos mesmos aproveitadores de sempre.
Para fazer media na mídia, o prefeito da Barelândia saiu fechando sumariamente diversos estabelecimentos, só para dar pinta e pensando em ganhar votos com isso.
Não houve um segundo sequer de preocupação com o cidadão, só com o voto dele.
Em São Paulo, o prefeito primeiro chamou os seguimentos que trabalham no ramo da diversão, entretenimento e cultura para que se adequem aos novos tempos, antes de simplesmente fechar para chamar atenção das viúvas reacionárias de sempre.
A sensibilidade de que esse seguimento emprega milhares de pessoas é o argumento suficiente para se ter cuidado em não tomar medidas movido pelo populismo.
Lembre-se, gente que se diverte vota também.
Outra.
Não vi uma igreja ser fechada.
Acho que é medo de ir para o inferno, disque!
Share:

Urucu vai ter a Paracu

A base de extração de gás da Petrobrás em Urucu tem em torno de dois mil funcionários morando nos seus alojamentos.
Claro que parte deles são gays e com todo direito a ser.
Independente de ser mecânico, engenheiro, eletricista, encanador e torneiro mecânico, deu vontade de dar, dá.
Fora as lésbicas do alojamento feminino.
Disque rola o maior céu no alojamento.
Portanto nada mais justo do que reivindicar uma melhor margem de operação para essa sacanagem.
Em nome disso vai rolar a primeira Parada Gay de Urucu.
Vai se chamar Paracu.
Os organizadores da Paracu vão contratar uma balsa enorme para descer pela calha do Rio Amazonas até Manaus ao som de toadas bovinas dois pra cá dois pra lá rebola dá uma abaixadinha e volta.
Na Paracu vai ter queima de fogos e queima de rosca também.
Não rola esse perigo de incêndio porque embaixo da balsa tem o glorioso Rio Amazonas.
Essa eu não peco nem pelos caraleio!
Share:

A Biblioteca publica é reaberta depois de duzentas operas

Enfim, o arqui-secretário vitalício de corte e costura da Barelândia fez a concessão a muito contra gosto de reabrir a Biblioteca Publica da cidade.
Na noção provinciana, pseudo elitista, parnasiana de merda e cafona do arqui-secretário vitalício de corte e costura, biblioteca é coisa para gente fina, chic, cheirosa e que tenha pedigree.
Afinal gente chic é outra fina.
De certo houve uma rapinagem nos melhores livros do acervo.
Isso tem que ser revisto.
Porque um dos bibelôs que o arqui-secretário vitalício de corte e costura mais considera importante é a biblioteca pessoal dele.
Claro que só para dar pinta.
Ler mesmo nem pensar.
Dizem as más línguas invejosas da Barelândia que ele se apropriou do acervo literário da cidade durante esses longos anos no controle da vida cultural desse brejo chamado Barelândia.
E cadê a policia que não prende um meliante desses?
Share:

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

A onda falso moralista pegou o Castelinho

Pronto.
Fecharam o Castelinho.
O único bar underground dessa Barelândia cada vez mais tucana, conservadora, direitista e careta.
Surfando na onda da tragédia de Santa Maria, vem a onda falso moralista, reacionária, careta e covarde se aproveitando da desgraça de jovens que morreram tentando se divertir, então acaba a diversão dos trouxas.
Aliás, a alegria agride a essa corja.
Povo bom é povo triste, sem noção, sem força e sem coragem.
Povo na rua significa cidadania e cidadania não é bom, pensa essa canalhada reacionária que sai fechando os bares usando a onda falso moralista que sempre vem depois de toda desgraça.
O uisque deles comprado com nosso dinheiro está garantido.
E viva a Barelândia!
Share:

Tem nêgo que chora quando escapole

Quando o ser humano é acostumado a levar trolhada na boca do tablet, acaba acostumando e gosta para chuchu, de acordo com uma amiga biba.
De acordo com essa amiga biba, quando entra 18 centímetros tablet adentro e depois a pessoa tira e deixa só 4 centímetros, por exemplo, a biba se zanga, fica puta e amaldiçoa o bofe.
Isso é ingratidão da biba.
A Dilma baixou em 18% o preço da energia elétrica em todo o Brasil dos brasileiros.
O Brasil dos tucanos que abrange São Paulo, Minas e Paraná não baixou porque eles são oposição, portanto foda-se o povo.
Em Minas do tucano Aécio subiu 7,4% só para dizer que é contra a Dilma.
E contra o povo mineiro.
Na Barelândia também existe esse fenômeno identificado pelo filósofo Tim Maia que diz que o Brasil é o único país onde puta goza, cafetão se apaixona, traficante se vicia e pobre é de direita.
Na Barelândia tem barezinho que é tucano e odeia o PT.
Ele não sabe que tucano bom é tucano paulista e que o projeto tucano é Viva São Paulo e Pau No Cú do Brasil.
Barezinho quando reclama do aumento da gasolina tem razão.
Mas se estiver descontente pode se mudar para São Paulo, lá entra os 4 centímetros da gasolina e mais 18 centímetros da energia elétrica.
Isso dá 22 centímetros.
Já pensou isso tudo dentro do teu tablet?
Uiii!!!
Share:

Barés e haitianos forjando a nova metrópole Barelândia

Os haitianos chegaram para ficar.
Eles invadiram a nossa praia e deram um upgrade nessa Barelândia meio metrópole meio província.
A Barelândia é localizada no encontro do Rio Negro com o Rio Amazonas, os dois maiores rios da região amazônica que dão acesso ao interior da vastidão da selva e suas riquezas. Por isso desde a época da colonização portuguesa que a cidade é vista como uma terra de oportunidades e oportunistas.
Foram ondas e ondas migratórias até se formar esse caldeirão mameluco chamado Barelândia.
Portugueses, judeus, árabes, turcos, libaneses todos vieram e se embrenharam nas coxas das caboquinhas, foram se introduzindo e reproduzindo feito quatis gerando essa civilização amazônica.
Agora é a vez da chegada dos haitianos que vai introduzir o gens africano a esse caldeirão que andava precisando de cor e tempero.
Os haitianos vieram para ficar e eu que não sou besta nem nada já arrumei um haitiano para trabalhar comigo.
O cara mal chegou no Brasil, já fala português legal, aprendeu voando a arte de adesivar veículos e outras coisas e por isso eu catei o Charles para ser meu sócio já que ele era explorado pelo antigo chefe.
Tenho o maior orgulho de pertencer a essa Barelândia generosa, aberta, metropolitana, simpática e dadinha.
Essa vai estar falando francês em pouco tempo para poder frequentar o bairro francês dos haitianos que vai se chamar jocosamente de Roberiu's Bragois em homenagem ao arqui-secretário vitalicio de corte e costura que adora a França da belle epoque e detesta cultura popular.
A Barelândia dos boçais, provincianos e elitistas de merda representada por esses cafonas que se acham quatrocentões da taba e por "artistas e intelectuais" de direita que pagam pau para esses caciques jegues... Essa nem com nojo!
Né não parente?!
Share:

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Boate Remulo’s vai virar Museu da Periquita

Aproveitando a onda populista e moralista depois do pavoroso incêndio de Santa Maria e pensando “Essa porra da voto”, a prefeitura da estupefata Barelândia vai construir em seu solo mãe gentil as margens do glorioso Rio Negro, o primeiro Museu da Periquita.
O que antes era uma boate de streapers e prostituição tradicional na cidade, por força da marcha pela Família, Tradição e Propriedade (Principalmente propriedade), a nova e unica que restou bandeira tucana, no lugar da boate será construído o Museu da Periquita para que nunca mais a população esqueça que sexo entre pobres não pode vir junto com dinheiro.
Ou uma coisa ou outra.
Que nem na época da escravidão que escravo bebia leite ou chupava manga.
Os dois juntos faz mal, disque!
Dinheiro e sexo é coisa demais para pobres.
Pobre só se ferra com tucano.
Eles são contra o Bolsa Família e principalmente para ser usado em puteiro.
A Barelândia já não tem biblioteca publica fechada há cinco longos anos e agora perdeu o puteiro mais popular da cidade.
Ou seja.
Tamos fodidos!
Share:

O perigo da Marcha Contra a Alegria

O desastre anunciado de Santa Maria deve servir para que se tome medidas sobre a arquitetura das casas noturnas que levam o nome de boate, verdadeiros caixotes forrados com material para isolamento acústico altamente inflamável.
No mundo inteiro é assim, isso é fato.
Até ai é ponto pacifico.
O perigo depois que acontecem essas tragédias é a corrente infame dos cruzados de plantão contra a alegria alheia.
Os falsos profetas, os pastores de lobos, os tristes e ressentidos, os que perderam o colhão e se recolheram para a sua insignificância, para o seu lar que de lar não tem nada.
A palavra homem tem a ver com o processo da busca pela felicidade e essa felicidade cada um sabe o que lhe faz feliz.
Os falsos moralistas vão dizer que é culpa da alegria e não do formato das boates, que é melhor ir para igrejas que para boates, que ainda tem ingresso para o céu na mão do pastor e que apesar do cambio flutuante ainda dá para comprar na primeira classe uma viagem ao paraíso.
Os burgueses vão dizer que a segurança e a tranquilidade do lar é melhor que a alegria das ruas perigosas e que é muito melhor guardar a grana para um enterro decente.
Nunca fui de boates, gosto mais de botecos onde dê para conversar.
As ruas e as praças é o que o homem tem de civilizado.
Ocupem cada vez mais os espaços públicos e deixem essa tragédia para trás.
Os lobos do falso moralismo, os neo cruzados da inquisição, os políticos oportunistas adoram quando o povo sai das ruas.
Afinal temos uma imprensa para catequizá-los paradinhos no antro chamado lar.
A alegria é uma grande arma contra essa corja!
Share:

Os urubus populistas fazem politica nas tragédias

Depois de cada tragédia eles aparecem fazendo da vida alheia simples santinho de campanha politica suja.
O incêndio que matou 231 vidas jovens e cheias de sonhos não deveria alimentar essa porcaria politiqueira de quinta categoria.
Isso nem nome tem de tão ignóbil.
Li nas redes sociais pastores evangélicos dizendo que essa tragédia era um tal de deus deles ceifando vidas indignas como se fossem juízes da inquisição, uns merdas de uns Torquemadas.
Uns inquisidores sinistros e aproveitadores.
Por outro lado, o uso politico da situação.
Vários colunistas da direita tupiniquim perdidos do bonde da história usando esse momento trágico para tentar imputar aos adversários políticos as culpas dessa calamidade.
Do sul ao norte do país a tentação de fazer politicagem barata com a vida alheia paira no ar impuro dessa maneira medieval de pensar a vida publica.
Deixem essas crianças descansarem, não usem sua desgraça como santinho de politica vagabunda ou de falso moralismo religioso que cheira a enxofre.
O prefeito da Barelândia é um populista, mas até agora está fazendo a coisa certa em dar uma blitz nas casas de show.
Quero ver ele ter colhão para fazer o mesmo com as igrejas, já que os votos são muitos dentro desses antros de falso moralismo.
Quero ver se tem colhão pra isso.
Share:

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

A Barelândia ia virar Curitiba, e agora...

Durante a campanha para a prefeitura da Barelândia, os dois candidatos, tanto Artur quanto a Vanessa prometiam os caraleo de asa.
O que mais empolgou os trouxas barezinhos era a propaganda na televisão mostrando um vídeo feito em 3D com um sistema viário com ônibus modernos, luxuosos e eficientes.
Os tal de GBLT (Gays, Bibas, Lésbicas e Tarados) que foram implantados com sucesso em Curitiba, cidade vista como modelo de não sei o que não sei o que lá depois da roubalheira do Jaime Lerner.
Mas isso são outros quatrocentos.
O calote eleitoral na Barelândia é comum, faz parte, como as águas cor de Coca-Cola do maravilhoso Rio Negro.
Aqui há anos a gente houve promessa de metrô de superfície não sei o que não sei o que lá.
O feudo politico resultado do distanciamento regional em que a Barelândia se localiza e graças a uma elite decadente em contraposição a uma classe média ascendente, transformou a cidade em um paraíso de homens públicos 171 trambiqueiros.
A Barelândia é uma cidade xenófoba.
Ela se auto come.
Ela se auto ferra.
O cara promete algo na campanha, copia idéias alheias, se apropria delas, engana todo mundo durante a campanha e no dia seguinte após a sua eleição diz que não vai fazer porque não dá.
Foi engano.
Ou seja.
Durante a campanha se enganou e enganou a todos.
Isso tem nome.
Calote eleitoral.
Prometeu os tal de GBLT e agora não vai dar.
No lugar vai ficar os mesmos velhos busão.
Com dó da patuleia prometeu dar uma “guaribada” na frota.
Ah bom!
Que bom!
Share:

Êhhh boi.... vida de gado

Quando eu nasci veio um anjo, um safado, um chato de um querubim que decretou que eu estava predestinado a ser tratado assim.
Já de saída a minha estrada entortou e fui comer capim.
Nessa encarnação eu nasci boi e pude ver por dentro a vida do homens.
Ser boi não é nada fácil.
Passar a vida pastando para engordar, quando engorda vai direto para um corredor de abate, é morto e recortado, jogado em um caminhão frigorifico até chegar a churrascada de alguns bebuns alegres.
Nessa vida aprendi o seguinte.
Nada como um dia atrás do outro.
Imagine se eu ao invés de boi tivesse vindo capim?
Seria bem pior.
Né não?
Share:

sábado, 26 de janeiro de 2013

A Barelândia resplandece em um belo dia de sol

A Barelândia é privilegiada pela natureza.
Basta olhar para o alto em um belo dia de sol com musica no coração que dá para ouvir o som das cores.
Na Barelândia só com amor, como em todo canto.
Hoje é um belo dia para sair com a pessoa amada indo de encontro ao sol, atravessar a Ponte do Bilhão e contemplar o imenso Rio Negro oceano cor de Coca-Cola se espalhando preguiçosamente pela baia que abrigou como um ventre essa cidade desmazelada pelos seus governantes.
Apesar deles a Barelândia é esplendorosa nessas horas.
Açutuba, Acajatuba, Iranduba até Manicoré desviando para New Iron, olha que delicia!
Vou ver o por do sol da Praia do Açutuba para ver o tamanho do não sei o que lá grande, o significado tupi da palavra.
O meu que não é.
Só o meu amor é grande.
E vai se inflar ao por do sol do Açutuba.
É noix parente!
Share:

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

A Marcha da Maconha faz protesto contra a Bola do Pó

Os organizadores da Marcha da Maconha planejam fazer uma marcha contra o que eles chamam de sacanagem do Amazonino que antes de largar o osso da prefeitura inaugurou a Bola do Pó construída no lugar da antiga Bola do Mindú.
Eles dizem que não sei o que não sei o que lá que a maconha é mais antiga que o pó e que merece respeito por isso.
Querem que o atual prefeito construa uma rotatória que vai se chamar Bola da Maconha.
Prometem fazer um maconhaço bem embaixo do canudo de pó.
Se vacilar vão pichar o canudo com folhinhas de maconha.
O evento vai contar com as bandas de reggae Narguilê e também com a banda Dá Um Peguinha Aê.
A organização pediu aos participantes que ficarem perto do canudo fumando, ter muito cuidado ao atravessar a rotatória de volta viajando porque os carros pesam.
O evento tem hora para começar, mas não tem hora para acabar.
Share:

Hoje é dia do fela da puta do carteiro

Hoje em dia, depois que eu cresci e resolvi deixar de ser mais um com síndrome de Peter Pan e decidi pagar as contas da minha existência inútil e miserável, é que compreendo o ódio que cachorro tem por carteiro.
Até uma década atrás mais ou menos, os carteiros eram vistos com certo romantismo por serem os anjos encarregados de trazer noticias do além.
Apesar de nunca ter recebido uma carta de amor trazida por um carteiro, eu também via carteiro com um olhar romântico.
Hoje quando ele desce a rua de casa dá vontade de soltar o cachorro.
Pena que o Deprê tenha morrido, embora aquele traste não mordesse ninguém.
Depois da invenção da internet, do e-mail, das redes sociais, o carteiro só serve para trazer conta de água, de luz, de telefone, cartão de crédito, maternidade e funerária.
Mas isso não é o pior.
O pior que hoje é o dia do carteiro e automaticamente penso em carta de amor ai percebo que ninguém, inclusive eu, tem escrito nada amoroso.
Só é filha da putice.
Caro amigo navegante, aproveite o dia e escreva uma carta de amor em um estilo parnasiano bem meloso.
Como se você fosse um Cazuza, exagerado.
Morrer de amor não dói.
Principalmente quando é inventado.
Share:

Rede Globo vai entrar no STF contra a redução da tarifa da enrgia

A Rede Globo está com ódio da Dilma.
Chegou ao ponto de até esquecer por uns breves dias a existência inútil e malfazeja do Lula.
O golpe de bajular a Dilma para seduzi-la a trair o Lula e depois dar um crew não funcionou.
A Dilma anda batendo recordes atras de recordes de desempenho.
Baixou a taxa de juros a níveis de primeiro mundo, abaixo de 7%, o índice de desemprego a 6,4% está menor que nos EUA e na Europa.
Ainda tem muito a fazer, mas o país está avançando.
Agora vem mais essa para contrariar a grande imprensa e a Rede Globo que representam a elite nacional baseada em São Paulo.
A Dilma baixou a taxa da energia elétrica em até 32% para a industria e até 18% para os domicílios.
A Rede Globo pira.
Agora deu para inventar que vai ter apagão na Copa e que meu ar condicionado vai calar.
Até nisso essa imprensa canalha lucra.
A cada caos criado, a cada apagão inventado, cria-se um efeito nas bolsas de valores, as pessoas vendem e compram ações de acordo com a Miriam Leitão, a urubóloga de plantão global.
E pasmem.
Adivinhem quem lucra?
Os colegas e cúmplices da Rede Globo.
Tipo arrastão na praia.
Vem um monte apavorando e uns outros tomando a grana.
É arrastão capitalista selvagem do jeito que a Rede Globo gosta.
São Paulo, Paraná e Minas Gerais, estados controlados por tucanos não vão aderir ao projeto da Dilma de baixa da tarifa.
Só para ser oposição nem que para isso foda o contribuinte.
Por isso a Rede Globo e seu cúmplice PSDB nunca mais vão ser eleitos presidente dessa merda.
De acordo com eles o Brasil é uma merda.
O meu Brasil é lindo e vai longe.
Share:

A pelegagem intelectual da Barelândia

A Barelândia não conseguiu deixar de ser um porto de lenha, uma província.
Isso se reflete na intelectualidade baré.
Na Barelândia, todo “artista”, todo “escritor”, todo caraleo de asa que acha que pensa, acaba sentado ou querendo sentar no colinho do alcaide, do chefe dessa porra.
E qualquer um pode virar chefe dessa porra, basta saber roubar e poder carregar.
O intelectual baré não descobriu a liberdade do capitalismo selvagem.
Ele só acredita na grana do estado e se vende barato.
Até a banda “irreverente” de carnaval da Barelândia é pelega.
A Bica é pelega.
Canta marchinhas a favor de quem pagar mais a anos.
Ou seja.
Estamos praticamente fodidos.
Share:

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

A Bola do Pó virou ponto de meditação

As pessoas passam pela antiga Bola do Mindú e dão de cara com um imenso canudo de pó largado no meio da rotatória. Por isso passaram a chamar de Bola do Pó.
Foi mais uma herança fálica do Amazonino para o Artur. Tem também o falo da Maçonaria também no Parque 10 na rotatória do Eldorado.
Por falta de falo o Parque 10 não morre.
Vá gostar de falo assim lá na boca do Lago do Arapapá.
As pessoas curiosas, encantadas ou apavoradas com aquele enorme cilindro reluzente, não sabem se ajoelham para rezar, fazer um pai nosso e um sinal da cruz, se olham para o outro lado ou se levantam as mãos para o alto, pois parece um imenso canhão ameaçador.
Os malucos que passam por lá a caminho do trabalho se cagam todinho e tem que voltar para casa para se assear.
Isso quando não descem para o Buracão encher a cara em pleno dia de trabalho.
O imenso canudo é um convite a contemplação.
Tem pai de família que passa e diz para o filho “Já fui bom nisso!”.
O Artur deve achar que herdou mais uma banana baé do Nino.
O Artur não pode ser fotografado ao lado do canudo porque essa gente canalha da imprensa vai ficar falando não sei o que não sei o que lá.
Melhor não. Melhor mandar derrubar.
Ou por em pé e transformar em escalada de esporte radical.
Só uma ideia de jerico para ajudar nosso prefeito populista que nem o Lula que ele critica tanto.
Share:

Artur vai sair na procissão de São Sebastião

Mas alguém tem que emprestar uma tiazinha velha para ele descer na avenida, pois é da tradição oral, nasal e anal que na procissão do padroeiro das bibas, reza a lenda urbana, que tem que ir com uma velhinha ao lado, e passar rezando alto pela frente do Bar do Armando.
O Artur segue a tradição tucana de norte a sul do Brasil varonil.
Reinar com a imprensa.
Deu holofote aparece no pedaço.
Tucano no poder é a alegria dos donos de jornais e jornalistas jabazeiros.
Uma alegria total.
Diz outra lenda urbana que sem a Rede Globo os tucanos não passavam de Rezende no Rio de Janeiro, com ela chegaram até a Barelândia.
Quem quiser que aproveite esse inicio de governo.
Faça um churrasco na comunidade e convide o Artur que ele vai.
Mas leve a imprensa, senão, não rola.
Share:

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Yes, nós temos direita... sô!

A direita brasileira que torturou e matou durante a nefasta ditadura militar foi banida para dentro do armário pelos ventos da democracia.
Ela ficou agarrada no fundo do armário respirando pelo canudinho chamado Rede Globo travestida de democrática, moderna, tecnológica, digital e pluralista, disque.
Quando o operário, nordestino, cachaceiro, analfabeto funcional do Lula ganha e começa um governo nem tanto de esquerda assim, mas com claro foco na distribuição de renda, mesmo que sendo pelo método criticado das bolsas isso e aquilo, a direita começa a se realinhar fora do armário na forma de colunistas e formadores de opinião.
Para sair do armário com cara de moderna, essa direita inventa a lenda urbana que não existe mais essa coisa de direita e de esquerda, mas se existir a culpa é sempre da esquerda.
E a Rede Globo junto com os grandes jornalões viram a oposição de direita descarada que sempre foram, travestida de competente através dos seus "especialistas" em tudo.
O governo Lula mesmo com muitos problemas a resolver consegue fazer o Brasil dar um salto significativo em todos os níveis sociais.
O governo Lula dá certo e elege a sucessora Dilma.
Ai a direita pira e sai do armário de vez.
O Arnado Jabor vira a musa da direita modernoide. Ele é casado com a Vanessa não sei das quantas que é assessora do José Serra.
O ódio que ele tem do Lula e da esquerda em geral é destilado a cada cronica sem noção falando mal do Brasil e dos pobres brasileiros que votam no anafa do Lula.
A direita resolve sair do armário com outro nome.
Criou o Instituto Millenium que agrupa os colunistas globais, que vão do Jabor, Merval Pereira, Pedro Bial e os especialista até em tacacá baiano.
E haja a plantar boataria de caos, acusações levianas de corrupção contra os adversários, lógico.
E o pior, travestido de democráticos, escondidos, ainda com pé dentro do armário para onde geralmente a história envia a direita conservadora.
A filosofia neoliberal que bancou o discurso pseudo moderno deles foi para o beleleu depois de falir o EUA e a Europa.
A direta é incompetente.
Só resta a Rede Globo e a essa imprensa ideológica de direita criar escândalos, medo, caos e torcer para que o Brasil se ferre para que o PSDB tenha chance de voltar a governar o Brasil.
Esse ano sobrevive quem tiver estomago ou se desligar dos jornalões.
A baixaria vai rolar solta.
Share:

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Jimmy não matou porque era biba

Lendo nos blogs de noticia as primeiras versões do triplo assassinato todos tocam no ponto da homossexualidade do Jimmy Robert de Queiroz Brito, 30, filho de Roberval Roberto de Brito, 63, e apontado como responsável pelas mortes.
Cotam que ele foi expulso de casa pelo pai por levar namorados diversos para dentro de casa.
Jimmy e a mãe que tinha câncer terminal foram morar com a irma do pai dele.
Durante e depois do falecimento da morte da mãe, Jimmy sempre levava parceiros sexuais para o apartamento da tia que terminou expulsando ele de lá também.
Ele teria matado por vingança.
Ou seja, se não fosse biba não teria sido expulso e foi porque merecia e por ser biba virou assassino.
Em seguida vem outra versão.
A ganancia e futilidade da biba que queria dinheiro para bancar as drogas e festas de embalo do bofes.
O pai dele tinha vendido barcos recentemente.
Em todo caso sempre aparece a sexualidade do Jimmy em primeiro plano.
Todos os crimes violentos tem motivação sexual.
Isso é freudiano.
Não precisa ser homossexual para que isso ocorra.
Por outro lado.
Se fosse um heterossexual que tivesse matado três homossexuais dessa forma. Hummmm...amanhã mesmo ia ter Parada Gay na frente da Almir Neves.
Simplificar uma tragédia dessas e culpar pessoas por sua sexualidade é de um atraso secular.
Mas é bem comum isso.
O certo é que a Barelândia está de luto e triste por essa tragédia sem sentido.
Share:

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Bebum Morde Gato vira febre na rede

O bebum que foi filmado mordendo um gato em Iranduba (AM) virou a moda primavera verão do linchamento instantâneo muito em voga no Facebook.
De repente virou o facínora mais procurado do universo.
Mais que o Django do Tarantino.
Nesse mundo cão das redes sociais se você for filmado coçando a boca do tablet e alguém filmar, rapidamente você estará cheio de toxina, fica com fama de lombriguento e vira famoso da noite para o dia.
É batata com agrião.
A mágica da fama instantânea é assim nas redes sociais.
Esse maluco que estava bebendo sabe-se lá o quê devia estar brincando de mamãe onça bêbada pois ele mordia como os felinos costumam morder e levar para passear seus filhotes.
A gata envolvida no escândalo da rede está vivinha da silva e periga virar é churrasco nas bancas de comida da feirinha do Iranduba.
Ela ficou famosa sem saber.
E o bebum virou camiseta, botons, stiker bombs e chaveirinho.
Bandidos vendem mais.
Na internet tudo é rápido.
Bandido de ontem vira o mocinho de hoje e vice versa.
E tudo é consumido na mesma velocidade de um linchamento qualquer.
É vapt vupt.
Tou vendendo acrílico com backlight e arte digital do bandido, facínora e meliante Morde Gato.
É um real, é um real, é um real, aeeee....!
Share:

O verdadeiro churrasquinho de gato

Um vídeo amador de um homem bêbado matando um gato com mordidas, na pacata cidade de Iranduba interior do Amazonas se propagou pelas rede sociais causando indignação aos usuários sociais da rede.
Aos olhos dos navegantes, aquele homem visivelmente bêbado mordendo até a morte um pobre gatinho é uma imagem chocante e cruel.
O gato estava vivo.
Se ele estivesse saboreando esse mesmo gatinho assado em espeto no formato tão conhecido chamado de “churrasquinho de gato” que proliferam nas esquinas, não viraria um espetáculo viral de indignação.
A questão é ter comido um gato fora do espeto a moda sushi, cru, sem ir ao fogo.
Outra coisa que chama bastante a atenção do amigo internauta é a cor da bebida dele.
Se era uma batida feita de cachaça com vinho de bacaba, um fruta tipica da região.
Ou se era Santo Daime, porque a cor é todinha de Santo Daime.
Se for Santo Daime essa pobre alma lombrada sentada em uma banca que lembra banca de churrasquinho de gato, podia muito bem estar achando que estava comendo um churrasquinho de gato.
Vai saber.
O “cineasta” amador que fez curso pelo Facebook bem que podia ter evitado a cena e salvado o gato.
Mas preferiu filmar para bombar no Facebook para as amigas bibas ver.
Não sei quem é pior, se o doidão bebendo uma bebida esquisita, a bebida esquisita de procedência duvidosa ou o “cineasta” amador pensando em concorrer a um premio no Amazon Festival Raitiuflaiti de Cinema, disque!
O pobre gato teria virado churrasco, de um jeito ou de outro.
Cru ou assado temperado com colorau.
Vida de gato de rua não é nada fácil.
Share:

sábado, 19 de janeiro de 2013

A Câmara dos Vereadores botô no tablet da gente... de novo!

Decidiram botar no tablet dos barezinhos de novo.
A Câmara dos Vereadores que vai dar sustentação politica ao novo prefeito Artur Neto precisa urgentemente de tablets para poder ficar papeando no Facebook.
O tablet tem muitas funções e mais importante delas é a de calcular as porcentagens que cada vereador vai levar em cada projeto assinado.
Fora que pode fazer fotinha, videos e o escambau das festas de embalo com nossa grana.
Comprar uisque e caviar na rede sai mais barato.
Uma verdadeira maravilha.
Isso totalmente de grátis graças aos impostos dos trouxas barezinhos que votam nessa corja de cara de pau.
Os caras adoram enfiar com os caraleo no tablet alheio.
Pimenta no tablet dos outros é refresco... mano véio!
Share:

Pirata do Caribe perdeu para a sapa

O John Deep perdeu a namorada para uma sapa.
Ele é o da direita na foto, a ex namorada é a do meio e a da esquerda é a sapa.
Sapa filha de primeiro ministro da França.
Não é uma sapa qualquer.
O que não vai faltar é mulher para querer consolar o ator, por sinal um dos grandes atores do cinema mundial.
Depp, de 49 anos, havia iniciado um romance com Amber após se separar da cantora Vanessa Paradis.
Segundo o "Sun", Amber se cansou da variação de humor do astro de Hollywood.
Amigos disseram que Depp está arrasado, pois ele e Amber teriam planejado formar uma família.
Amber e Marie, ambas de 26 anos, foram apresentadas em outubro do ano passado e acabaram ficando muito próximas.
Se ele puxou para o Pirata do Caribe pode até tentar fazer um arranjo a três.
Pode até dar certo.
Afinal, tem sultão que tem 50 esposas no harém.
Basta ter bala na agulha.
Né não?!
Share:

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

A pomba divina do pastor

O pastor Valdecir Picanto Sobrinho (Espia o nome), de 59 anos, foi preso no interior de Aporé, interior de Goiás, sob a acusação de que abusava sexualmente das mulheres da cidade utilizando o pretexto que teria o pênis abençoado.
Dizia o pastor que quando ele ejaculava na boca das crentes, era a gala abençoada por Deus goela adentro.
Bom.
Uma amiga biba que está virando titia está doidinha para se mudar para Aporé no honrado estado de Goiás.
Vai fazer fila se ensinarem o caminho.
Adorei a cara de pau desse pastor.
A maioria só mete a mão na grana dos trouxas que acreditam comprar terreno no céu.
Mas esse golpe da garganta profunda é massa.
Até eu fiquei pensando em virar pastor com essa.
Oh raça!
Share:

Eu te amo não deve ser dito de pau mole

Nunca!
Não faça isso se não você estará jogando fora a única frase maldita da sua vida que pode ser original se você for um mamífero com um pingo de decência..
A frase que pode comprometer toda a sua existência medíocre.
"Eu te amo" é uma frase maldita.
Se você estiver de pau mole não diga isso nem morto.
A mulher nunca vai acreditar em você.
Mulher só acredita em pau duro e mais nada.
E fim de papo.
Share:

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Quando a conchinha pira

O melhor do amor é a conchinha.
Aquele momento depois de acordar ao lado da pessoa amada quando você vira e forma uma conchinha toda encaixada meio que dormindo ainda, sentindo o cheiro dormido tão estranhamente familiar.
São somente uns 15 minutos onde o mundo poderia acabar que estaria tudo certo.
A não ser quando a conchinha começa a virar motor de popa, roncando no pé do ouvido.
Dizem que o amor é cego, mas é conversa fiada porque o bom do amor é você olhar bem de frente a pessoa amada e ama-la inclusive e principalmente pelos seus defeitos e não pelo trivial.
O amor também duvido que seja surdo e mudo.
Como poderíamos ouvir aquela canção romântica que nos remete ao cheiro da pobre alma vitima do nosso amor logo no primeiro acorde?
Portanto o amor não é cego, nem surdo e nem mudo.
E quando ele vira motor de popa no momento da conchinha acaba o encanto da conchinha.
Quando sou eu que viro motor de popa levo logo uma cotovelada.
Portanto é melhor levantar e correr atras do prejuízo porque as contas estão descendo a rua com a porra do carteiro que faz anos que não traz uma carta de amor.
Só conta.
Carteiro fela da puta!
Share:

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

SISU para psicopatas

Psicólogos do Reino Unido fizeram uma pesquisa para descobrir as profissões mais propicias para psicopatas.
Advinha qual foi a que deu na cabeça.
Advogados.
Oh raça!
Carismático, charmoso, destemido, firme, ambicioso e determinado. Um profissional com essas características tem grandes chances de se destacar no mercado de trabalho e, rapidamente, se tornar, por exemplo, um advogado de sucesso — justamente a carreira em que, segundo o psicólogo britânico Kevin Dutton, autor do livro “The wisdom of psychopaths” (“A sabedoria dos psicopatas”), há mais incidência de psicopatas. Depois de fazer uma pesquisa com mais de 5.500 britânicos, ele elaborou uma lista com as profissões que atraem mais e menos psicopatas no Reino Unido.
Na lista das profissões que mais atraem psicopatas aparecem áreas que têm mais pessoas com menos capacidade de empatia, menos habilidade de se colocar no lugar do outro e mais focadas em si próprias.
Ou seja.
Todas.
Por exemplo, artista plástico, conheço um monte de psicopatas geniais nessa área.
Políticos em geral também tem que ser psicopatas.
Tenho certeza que a incapacidade de se comover quando rouba dinheiro da merenda escolar só pode ser coisa de psicopata.
Veja o ranking da sua profissão na listinha do SISU dos psicopatas.
Share:

Daime paciência

A ayahuasca é uma bebida sacramental que tem vários nomes e é mais conhecida como Santo Daime.
As vezes na vida a gente fica andando atrás do próprio rabo feito um cachorro otário, querendo resposta para tudo, querendo desencantar os encantos e desnudar o que existe atrás da porta verde.
E nessas de bancar o perdido sai por ai atrás de coisas que abram o plexo do mistério insondável da existência, esquema de onde eu vim, o que eu sou e para onde eu vou.
Coisa pouca e banal.
Em uma dessas barcas meio que furadas, fui a uma sessão na União do Vegetal porque meus pais também curtem andar atrás do próprio rabo.
Ao chegar no centro espirita onde funciona a sessão de beberagem encontro um velho amigo de longas datas a quem tenho grande consideração.
Meu grande amigo Palhaço Bicudo, um verdadeiro artista com toda a concepção da palavra, um artista circense da melhor safra.
Trocamos algumas palavras antes de começar a sessão que é basicamente beber meio copo americano de Daime, sentar e esperar bater a porra.
Enquanto isso ficamos ouvindo musiquinha sem noção esquema “Laranjeira, Laranjinha, laranjeira, laranjal e tals...”.
Lá pelos quinze minutos depois, senti começar a bater a onda e meu cérebro se descolou de mim.
Fez poinc e eu me vi navegando sozinho pela escuridão estelar do cosmos. A isso chamam de deslocamento da abertura do plexo não sei o que não sei o que lá.
Imerso nesse delírio comecei a ouvir vozes que não eram da viagem, eram de pessoas que tem a função de ajudar os noviços a não pirar durante a sessão.
Quando abri o olho que me resta, vi o Sergio Bicudo sentado no meio do terreiro passando mal, com ânsia de vomito ao que os devotos chamam de depuração de limpeza.
Naquela situação se encontrava o caro amigo Sergio cercado por velhinhas cuidadosas, minha mãe inclusive.
No esforço de vomitar o que não tinha mais no buxo o caro amigo Sergio fez tanta força forçando o baixo tablet que deu-lhe uma senhora de uma cagada nas calças diante de todos.
Isso em enorme quantidade.
Empestou o ar do ambiente todo.
Cabô o astral do plexo aberto da consciência desdobrada.
Não ficou uma senhora para dar apoio moral.
Só o Sergio todo cagado ali parado no meio do terreiro.
Que situação!
Share:

sábado, 12 de janeiro de 2013

Django do Tarantino e a escravidão dentro de nós

O novo filme do Tarantino se passa nos EUA nos idos de mil oitocentos e bunda, dois anos antes da Guerra Civil Americana que deu fim ao sistema de escravidão no país.
Apesar disso o filme é atualíssimo por ter como pano de fundo a necessidade de liberdade inerente a toda alma humana.
O degredo, a escravidão, a prisão e confinamento é uma coisa que acompanha o ser humano desde que ele nasce.
O filme fala da coragem em lutar para se libertar dessas amarras e correr atras da vida mesmo que isso lhe custe a própria vida.
A vida tem horas que as horas acabam e os prazos estão vencendo e cabe a nós decidir a hora do dá ou desce.
Tem gente que prefere dá, tem outras que preferem descer e alem de descer cuspir na cara de quem fica.
O filme é para as almas insubmissas se deliciarem.
As outras não vão ver nada.
A genuflexão não deixa ver.
Share:

O Rio de Janeiro continua lindo, apesar da Globo

O New York Times realizou uma enquete “Que cidade você visitaria em 2013?”.
Entre 46 indicações deu o Rio de Janeiro na cabeça.
Apesar de toda a tentativa da Rede Globo em destruir a imagem da cidade por um simples motivo: O prefeito e o governador do estado são aliados do governo federal do PT que a Rede Globo tenta destruir por ser sócia do PSDB.
Com ou sem motivo, o Rio de Janeiro aparece no noticiário de forma escrota.
Na Globo, o Rio só merece a página policial, mesmo depois de ter conseguido pacificar todas as favelas da zona sul e varias da zona norte.
O terrorismo jornalistico politiqueiro, ideológico e provinciano vai ser a causa do fim desses jornalões.
Por um simples motivo.
Credibilidade.
Ninguém quer ler mentiras e deboche contra a própria capacidade intelectual.
Enquanto o mundo inteiro vê no Rio de Janeiro uma cidade maravilhosa apesar dos seus problemas, a Rede Globo tenta transformar a cidade em uma Damasco.
O Rio de Janeiro passa e a matilha de canalhas vai continuar ladrando à margem da história.
E tomara que fiquem para trás.
Share:

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Vote para prefeito e leve uma ONG suspeita

O “jeito jenial” tucano de governar chegou na Barelândia.
Eles pregam a redução do estado, o enxugamento da máquina, põe para fora os quadros antigos, aparelham com os seus e terceirizam toda a administração, doando para ONGs de amigos os serviços lucrativos do estado.
Os que dão prejuízo ficam com o contribuinte que eles não são trouxas, lógico.
Ou seja, você vota em um tucano para prefeito mas quem governa é um colega dono de uma ONG na qual você nunca ouviu falar.
No caso da Barelândia, o bom e velho Artur dos amigos de Ibiza chamou o INDG, que tem como sócia a Verônica Serra, filha do indefectível José Serra.
"Em nome da “eficiência” da “jestão” publica vamos doar os serviços lucrativos do estado para os colegas que assim fica com noix", eis a lógica tucana.
Esse ódio a palavra "Estado" que os tucanos tem vem dessa lógica "O filé é nosso, ninguém tasca, noix é elite intelectual e noix viu primeiro".
Não dou seis meses para estarem cobrando pedágio na Ponte do Bilhão totalmente superfaturada e paga com nossos impostos.
Não importa, vai ser doada a titulo de "eficiência" para alguma empresa amiga fazer caixa cobrando pedágio.
Agora a Barelândia vai ter saudade do Amazonino.
Quer ver espia só!
Share:

A tentativa de golpe da Rede Globo na Venezuela falhou

Como todo mundo sabe, a Rede Globo é um subproduto de golpe contra a democracia.
Ela nasceu junto com a ditadura militar instalada no Brasil em 1964 para apoiar os golpistas e vender a ideologia americana no Brasil e na America do Sul.
Durante o recesso de férias no Brasil onde ela tenta derrubar o governo trabalhista Lula / Dilma todo santo dia, a Rede Globo foi praticar golpes na Venezuela.
No Brasil ela consegue manipular até o STF transformando em espetáculo televisivo usados para atacar adversários políticos. O julgamento da Ação Penal 470, o chamado Mensalão do PT (Cadê os outros) foi programado milimetricamente para influenciar as eleições municipais para assim eleger em 2014 um presidente da republica do PSDB, cúmplice da Rede Globo na ideologia de mercado americana e no golpe “Vamos Privatizar Essa Porra e Levar o Nosso”.
Se o STF da Venezuela fosse o daqui, o golpe daria certo e a Rede Globo teria conseguido derrubar mais um presidente eleito pelo povo.
A sorte da Venezuela é que lá não tem um monopólio midiático poderoso e golpista como a Rede Globo.
O STF da Venezuela julgou procedente baseado na constituição venezuelana que se espere por algum tempo a recuperação da saúde do Hugo Chavez.
A Rede Globo pirou o cabeção golpista.
Ontem o menino de ouro da direita tupiniquim Arnaldo Jabor muito contrariado, quase que babando de ódio, bem ao seu estilo grandiloquente e falacioso, atacou a Venezuela como se venezuelano fosse.
Essa gente da Rede Globo perdeu a noção do que seja democracia.
Afinal, quem nasceu de um golpe já vem com isso na sangue.
É que nem pinto quando gosta de bosta.
Só gosta de bosta.
Share:

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Monumento ao Pó vira atração de férias

Durantes as férias escolares por não ter mais a Ponta Negra como opção de lazer e cansados dos shoppings da cidade, a ultima moda primavera verão das férias na Barelândia é visitar a antiga Bola do Mindú hoje rebatizada pelo povo invejoso de Bola do Pó.
O imenso canudo de cheirar pó todo niquelado no meio da rotatória virou objeto de curiosidade para as pessoas barezinhas.
Lá onde funcionava uns botecos pé sujo da porra agora virou referencia para encontros de adoradores da farinácea boliviana.
Tem gente que se caga todinha só em passar por lá.
Essa gente desocupada anda causando engarrafamento na região do Parque 10 só para ver o estranho objeto reluzente e cilíndrico.
Parece abestado que não tem nada para fazer.
Oh raça!
Share:

O golpe da Rede Globo na Venezuela falhou

A Rede Globo não tira férias.
A função de pau mandado da ideologia americana nos paraísos tropicais ao sul do México não permite férias.
Como no Brasil até o carnaval ninguém está nem ai para porra nenhuma, a Rede Globo foi fazer uma boquinha na Venezuela.
Passou duas semanas tentando influenciar a derrubada de um presidente eleito pelo povo venezuelano da mesma forma que fez com o Lula e faz com a Dilma.
Nas férias fica praticando derrubar presidentes eleitos de outros países.
Por hábito ou por função.
A lógica é “politica não está com nada, voto é coisa de zé povinho, o que presta é o mercado, desde que eu leve o meu bem grandão”.
A Rede Globo e o PSDB tem a lógica do mercado.
A mesma que afundou os EUA e a Europa.
A lógica do “Vou pegar o meu grandão e se tú não pegou o teu tú é trouxa”.
Por isso esse ataque a politica econômica do governo que baixou os juros vergonhosos dos bancos.
A Rede Globo é uma empresa que atende aos desejos dos patrões.
E viva o BBB.
Share:

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Garotas do Femen são arrastadas por seguranças do BBB

Três integrantes do grupo Femen invadiram nesta terça-feira o Santana Parque Shopping, que abriga a casa de vidro do "Big Brother Brasil 13".
Queriam protestar mostrando o peitinho contra o BBB.
Os seguranças da Rede Globo disfarçados de torcida arrastaram as manifestantes pelas patas.
Só quem pode mostrar peitinho e transar ao vivo pela Rede Globo é integrante do BBB (Para o meu amigo Bill ver durante seis meses, ele nem sai de casa).
O objetivo do grupo era protestar contra a "alienação social causada pelo programa".
O problema é que se é para mostrar peitinho e transar, só se a Rede Globo levar o dela.
A Rede Globo é a maior cafetina nacional.
O Pedro Bial leva um ano preparando as frases de efeito sem noção para falar no programa.
Ai me aparece do nada umas loucas querendo botar petinho de fora sem rolar nenhuma grana.
A Globo tem razão.
Nudez e prostituição só com grana, meu chapa!
Share:

A Banda da Bica virou rebelde a favor

A Banda da Bica já foi a mais irreverente de Manaus por ser politicamente critica.
Seus fundadores eram jovens e anarquistas como todo jovem tem que ser.
Hoje são senhores na sua maioria entregues ao sistema do quem me pagar tá limpo.
Há muito tempo a irreverencia política deu lugar ao peleguismo cantante de quem pagar mais.
A banda virou rebelde a favor e agora se vacilar se muda para Ibiza.
Pois é para lá que o Artur costuma mandar os seus que lhe agradam.
A Banda da Bica se atucanou esse ano.
Ano que vem pode ser que volte a ser anarquista ou comunista.
Mas esse ano o poeta Dori Carvalho deve está a pensar “Puta que pariu, estão usando o nome do meu livro na letra dessa musica pelega”.
O Dori Carvalho lançou recentemente o livro de poemas anarquistas “Meu Ovo Esquerdo”.
Nada a ver com a letra da banda pelega.
Share:

O canudo de pó da Bola do Mindú

Tomei um susto quando vi.
O monumento da Bola do Mindú parece um imenso canudo de cheirar pó na posição de uso.
Se aquele monumento fosse na fronteira da Bolívia, a OEA ia frescar a mando dos EUA.
Se fosse na entrada da Rocinha indicando a subida da ladeira, a policia ia derrubar.
Mas ao menos ia ter algum sentido a obra.
De dentro da loja Constroi parece que é um canhão dando mãos ao alto para os clientes da loja.
Passando ao largo da Bola do Mindú tem viciado que se caga todinho.
O cara que passar por lá indo para o trabalho honestamente pensando nos filhos que tem de dar de comer, quando vê aquela presepada já pensa em descer pro Buracão do Jardim Primavera e beber umas.
Puta que pariu!
Nem na Jamaica fizeram um monumento a maconha comparado a esse canudo de pó.
O arquiteto que pensou a obra deve ser um brincante cheirador.
O Amazonino deixou essas duas maravilhas da humanidade para a eternidade da Barelândia.
A Ponta Negra transformada em Ponta dos Afogados e a Bola do Mindú em Bola do Pó.
E a pergunta que não quer calar.
Como um homem desses pode vir pra governador?
Ele apoiou o Artur e é quase certo que venha.
Marrapá!
Share:

Meu médico também me recomendou a Bahia

Todo mundo resolveu ir para a Bahia esse começo de ano.
O Carlinhos Cachoeira, o mais novo notável da Bahia atual foi por recomendação médica, disque.
Depois que recebeu alvará de soltura do juiz Tourinho Não Sei das Quantas da turma do procurador Gurgel, anda até virando evangélico.
O Jose Serra também foi para a Bahia.
Foi pensar em como fazer para ser presidente do Brasil, já que o Aécio Never é o preferido do FHC para o posto de concorrente a miss pelo PSDB.
Aécio também está na Bahia. Finalmente conseguiu largar o Leblon.
Essa febre pela Bahia da direita nacional tem a ver com a volta da família Magalhães ao poder na boa terra.
O ACM Neto virou prefeito em Salvador e deve ter convocado essa boca livre com os amigos de oposição.
Parece que a visita pelos terreiros de candomblé abriram os olhos do Serra pois ele voltou da Bahia mais cedo que todos dizendo que se não deixarem ele ser candidato a presidente nessa porra pelo PSDB, ele vai sair do partido e fundar outro.
A coisa na Bahia está quente.
Meu médico também me recomendou a Bahia.
Mas se eu for, vou esfregando o tablet na parede para não correr o rico de ser roubado.
Com essa gente não se brinca em serviço.
Share:

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

A Rede Globo nas férias foi praticar golpe na Venezuela

A Rede Globo, como todo mundo sabe, nasceu para sustentar o golpe militar de 64 no Brasil com incentivo e grana americana.
Ela é filha de golpe contra a democracia.
Ela odeia povo e voto.
Como o Brasil funciona só depois do carnaval e ninguém está nem ai para porra nenhuma, a Rede Globo foi praticar golpe contra voto do povo na Venezuela.
Ela quer porque quer derrubar o Hugo Chavez.
Derrubar não, matar!
Como não pode, fica dando voz a uma oposição que quer ocupar o poder mesmo tendo perdido nas urnas.
Urna para a Rede Globo só a funerária para onde ela adoraria mandar o sapo barbudo do Lula que apesar da oposição criminosa e cotidiana da Rede Globo continua com popularidade alta.
Já que no Brasil as pessoas se desligam até o carnaval ela vai aquecendo sua prática política de direita golpista na Venezuela.
Quando passar o carnaval volta a lenga, lenga da operação 2014 “Temos Que Caluniar o Lula Para Por o PSDB no Poder”.
Com ou sem voto do povo.
Agora só vale voto de ministro do STF.
E ainda tem o BBB no meio.
E haja Cristo!
Share:

domingo, 6 de janeiro de 2013

Hooligan trocou as brigas para ser baranga

Hooligans é o apelido para alguns torcedores da seleção inglesa que adoram bater na torcida adversária.
São beberrões e truculentos.
Durante muitos anos, Richard Allen exibia orgulho de ser um hoolingans. Richard torcia pelo Exeter City, mas curtia muito mais os jogos da seleção da Inglaterra.
"Bater nos suecos era bem divertido", disse ele, em reportagem do "Sun".
Agora sem mais nem menos deu um estalo na cabecita dele e ele se encontrou.
Aquela ânsia de se agarrar com homem quando bebia não tinha nada a ver com violência.
Era tesão, coceira na boca do tablet, enfim.
Como Richard em tudo que faz é exagerado, não contente em se descobrir “mulher” agora quer por uma periquita e virar baranga.
Bem que esse povo feio fala que esses caras que adoram brigar e tals pelas ruas bancando o machão, na verdade é uma baita vontade de esfregar a boca do emboca no asfalto quente .
O Richard de baranga não vai pegar ninguém, mas só em sair de mulher pra mulher Marisa nos shoppings já basta.
Ele só tem que passar longe dos ex amigos hooligans, se não corre o risco de apanhar e ser estuprado.
Né não?
Share:

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

O processo de tucanização do Emo Sapíens

Raimundo nasceu às margens do Rio Jaú no Amazonas, filho de caboclos descendentes de índios da Amazônia.
Aos 10 anos de idade seus pais foram obrigados a abandonar a região, pois ela havia se transformado em reserva ambiental e a ONG que administra a área proibiu a entrada dos regatões, barcos regionais que fazem o comercio pelos rios, levando insumos básicos a sobrevivência dos caboclos já integrados ao modo de vida branco.
Quando a sua família chegou à Manaus, foram jogados na indigência, pois não eram nem índios e nem brancos, e a vida dura em uma cidade grande os levou a morar nas ruas.
Seu pai em pouco tempo estava roubando e traficando enquanto sua mãe se prostituía.
Quanto ao Raimundo, passava seus dias andando pelo centro da cidade cheirando cola com um bando de meninos de rua.
Aos 13 anos encontrou um padre que trabalha com resgate de indigentes, e tem preferência por meninos adolescentes. Na condição de protegido do padre, ele começou a ter experiências homossexuais em troca de comida e abrigo. Ao mesmo tempo ele começou a receber desse padre uma educação erudita, sendo iniciado no estudo da filosofia. Começou e ler Kafka, Baudelaire, Rimbaud, Fernando Pessoa, etc., e ao perceber que todos eram bibas, começou a achar normal ser biba também. Nessa ideia o padre deu uma ajudinha amiga.
Dentro desse universo ele foi crescendo e seu dilema aumentando por se sentir deslocado nesse mundo estranho.
Vivia numa cidade que nem era brejo nem metrópole, ele já não era mais índio e muito menos branco e o pior dilema, havia sido empurrado para a homossexualidade por circunstancias da vida, mas tinha sonhos eróticos com garotas, ou seja, ele era um hetero que forçadamente virou biba.
Com o passar dos anos, essa angustia foi aumentando, transformando Raymond, ele até mudara o nome, em uma pessoa taciturna e introvertida, com serias tendências suicidas.
Em uma de suas tentativas de suicídio fracassadas, ele ficou resolvido a dar cabo da própria vida em grande estilo.
Decidiu fazer o haraquiri baiano pulando da passarela em frente ao maior shopping da cidade. O haraquiri baiano é uma adaptação do ritual suicida japonês, consiste basicamente na pessoa pular de uma certa altura, nu, meter dois dedos no toba e rasgar.
Dizem que é tiro e queda.
Quando Ray se preparava para pular, ia passando a Gay Parade Baré, evento anual que reúne o maior numero de bibas indígenas do planeta.
Ele resolve adiar o suicídio e cair na gandaia.
Foi quando conheceu uma bichinha paulista sociólogo da USP que o convidou para dar um rolé por Sampa.
Raymond foi de mala e cuia.
Para se enturmar e por hábito, continuou dando três dedos de cu todo dia, para poder se inserir na vida moderna da cidade grande.
Com o tempo passou a se identificar com os emos, pois tinham o mesmo perfil que ele, deprimidos, liam os mesmos autores, andavam em bandos e gostavam de queimar a rosca para sobreviver ao mundo cão.
Assim nasce o Emo Sapiens, o emo pan amazônico transmutado para a metrópole que o suga cotidianamente.
Por causa disso ele volta de São Paulo para a Barelândia e como todo baré que vai para Sampa, acaba virando tucano porque na Vila Madalena todo mundo é.
Para se manter ocupado resolve virar artista plástico, arrumar uma boquinha no governo e falar mal do PT porque a elite da Barelândia quer ser da elite paulista e para isso tem que ser tucano.
Toda a classe artística baré que apoiou o Artur torce para que o Emo Sapiens seja o novo Arqui-Secretário de Corte e Costura e Turismo da administração tucana baré.
Disque vai ser um bafon!
Share:

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

O “Exugamento” cultural na Barelândia

O Artur mal entrou e já “Enxugou”.
Juntou a “dispensável” Secretária de Cultura e Secretária do Turismo em uma só.
Assim, se por acaso um gringo vier fazer turismo sexual na Barelândia, o filho que sair do bucho provavelmente vai ser artista.
A arte de enxugar, diminuir, diluir e até acabar com a figura do estado é uma ideia de jerico tucana oriunda do radicalismo neoliberal com o toba alheio, claro.
Ideia que começa no Consenso de Washington para que os tubarões do capitalismo selvagem decidam quando, onde e para quem o dinheiro do mundo concentrado nas mãos deles vai.
Essa ideia concentrou a verba na mão de poucos e faliu os EUA e a Europa.
Não rolou no Brasil porque o Lula venceu o FHC e não foram privatizados os bancos estatais Banco do Brasil, Caixa Econômica e o BNDES.
Esses três tem regulado a economia emprestando e baixando juros e bancando investimentos e a construção civil através de projetos como Minha Casa Minha Vida.
Tucano odeia isso.
Tucano gosta do Globo News e do Manhattan Connections que odeia o Brasil.
Para quê barezinho quer Secretária de Cultura?
Parte da classe artística baré fez campanha suja para o Artur nas redes sociais.
Vai ver o Artur tem razão.
Essa gente não merece secretária mesmo.
Share:

As promessas de um ser humano de ressaca

A pessoa de ressaca promete qualquer coisa.
O mais vagabundo dos seres humanos que vive na esbornia, na ressaca de revellon promete que vai casar, ter filhos, parar com a cachorrada, trabalhar cotidianamente e nunca, mas nunca mais mesmo beber.
Beber nunca mais!
Mesmo o homem que não bebe, depois do revellon acorda com ressaca moral.
Essas são piores.
Geralmente essas promessas não sobrevivem ao primeiro carnaval que pintar.
Basta tocar o primeiro acorde do Bloco das Piranhas, lá se vai a promessa vestida com um tubinho da irmã.
Cara amiga navegante, se você quiser arrancar alguma coisa, qualquer promessa do homem amado, arranque hoje e cobre o resto do ano.
Mesmo porque ele não vai cumprir.
Quer ver espia só!
Share:

Nunca mais eu bebo nessa porra!

Raimundo começou a beber lá pelas seis horas da tarde do dia 31 de dezembro disposto a passar o revellon na praia da Ponta Negra mesmo ela estando interditada para o banho por conta de uma ideia de jerico que quis transformar praia de rio amazônico em praia perene, disque!
Raimundo passou na taberna da esquina e comprou uma garrafa do afamado uísque Raimundo Nonatus Nobolis. Pegou um busão lotado e se mandou. Duas horas depois ele adentra a praia cheia de meganhas da PM impedindo o acesso ao Rio Negro.
Raimundo encontrou os amigos que tinha combinado pelo Facebook.
Iam fazer um clássico despacho de fim de ano a moda facebookiana. Fazer uma sacola com celular velho, pen drive, um Habbib’s e uma garrafa de Red Bull e jogar no Rio Negro.
Só que a porra da PM não estava deixando ninguém entrar na água para não aumentar o numero de barezinhos mortos afogados pela lambança que o Amazonino fez na praia só pra ganhar algum.
Resolveram ficar bebendo no gargalo o uísque nacional de excelente qualidade Raimundo Nonatus Nobilis.
O plano era esperar a distração dos guardas durante a queima de fogos.
Quando deu meia noite e começou a queima eles correram em esquema arrastão em direção ao Rio Negro.
Os três amigos do Raimundo conseguiram passar e entraram na água, mas o Raimundo foi barrerado pela PM.
Ficou muito puto e resolveu beber todas as garrafas que tinham ficado com ele.
Acordou no dia seguinte deitado na areia, de bruços e nu sem saber onde estava.
Ainda meio grogue se levantou e viu sua roupa jogada na areia, se vestiu e foi para a parada do busão.
A cada sacolejo violento do onibus nas ruas emburacadas da Barelândia era um urro de dor do pobre Raimundo.
Ele começou a desconfiar que alguém tinha feito queima de fogos com o tablet de bêbado não tem dono dele na passagem de anus.
Ele jurou nesse momento nunca mais beber nessa porra.
Quanto aos amigos dele nunca mais apareceram.
Moral da história:
Melhor ter o tablet sem dono sapecado na areia do que virar comida de piranha.
Né não?
Share:
Tecnologia do Blogger.

OCUPE REDE GLOBO

Loading...

Pesquisar este blog

Veja meu site profissional

Veja meu site profissional
Jorge Laborda é um cara metido a designer, escritor e a ser humano.

Blogs que vale conferir

Arquivo do blog

Definition List

Contact

Support